terça-feira, 17 de julho de 2007

Surge uma poesia de dentro de um ovo do nada da imansidão de uma palavra um pensamento um hai kai não cai pra não cair em tentação


nada novo
olha só
um
ovo



Rogério Saraiva

2 comentários:

SAMANTHA ABREU disse...

Puxa!

olha só, algo novo!

e bom, como sempre.

Beijos!

Madalena Barranco disse...

Olá Rogério, essa é mesmo uma poesia redondinha! Beijos - seu blog está bem original.